quinta-feira, 13 de agosto de 2009

Concursos - Valorização ou Exploração da Arte?

O post anterior, sobre como a autora da identidade visual de São Paulo não foi devidamente reconhecida pelo seu trabalho, foi só um exemplo do quanto um concurso pode ser injusto.

Assim como a Mirthes, muitos já foram lesados por terem suas ideias exploradas por pseudo-concursos disfarçados de boas oportunidades. Claro, que é legal ver seu trabalho ser escolhido entre tantos. Mas mais legal ainda é ganhar um prêmio justo por isso.

Fiquei pensando em como é fácil para uma empresa conseguir boas ideias praticamente de graça. Sente só: A empresa precisa de um novo mascote mas não está a fim de investir em um profissional. Então o que ela faz? lança um concurso onde receberão várias ideias geniais, onde o prêmio é ter o nome do vencedor divulgado em fonte número 7, no cantinho da página, onde só você e sua mãe vão ler. Espertinhos eles não?

concursos de ilustrador, dicas para ilustradores, by ila fox

Estes concursos picaretas são uma estratégia de marketing covarde, criadas com a única intenção de baratear custos internos às custas de artistas ingênuos e esforçados em alavancar sua carreira. Eles partem do pressuposto que se você ilustrar de graça para eles hoje, vai chover oportunidades e reconhecimento para você amanhã. Alguns concursos podem te abrir portas? claro que sim, mas quem garante? você vai pagar as contas e se alimentar de "reconhecimento" enquanto isso? não né?

É por isso que eu digo NÃO para estes concursos que só querem saber de explorar o talento alheio. Eles que aprendam a botar a mão no bolso se querem valorizar verdadeiros profissionais.

21 comentários:

  1. Oi Ila... não desgrudo do Reader... c viu? o leitor mais assíduo... hehehe

    Seria o caso de consultar um "adEvogado"... mas sou capaz de dizer que a empresa te eleger como vencedor é uma coisa... e ela usar sua "obra" sem te pagar nada é outra... Isso é abuso... e as regras (leis) servem pra evitar que esse tipo de injustiça ocorra mas mesmo assim é necessário um crivo humano (juiz) pra avaliar a situação...

    Acho que o direito de propriedade intelectual vale sobretudo se no regulamento da inscrição você voltar atrás... penso que juízes revogam e anulam esse tipo de coisa.

    Não sei se é o caso de dizer que seria um contrato leonino... mas se aproxima.

    ResponderExcluir
  2. K-prA,

    "Contrato Leonino". Não conhecia esta expressão! procurei no Google e descobri que é quando o contrato favorece abusivamente só uma das partes. Genial!

    Conheço uma pessoa Leonina que age exatamente desta forma, hahaha, egoísmo pouco é bobagem!

    ResponderExcluir
  3. Também sou superdesconfiado. Boa lembrança.

    ResponderExcluir
  4. Ótima temática, viu.
    Esta coisa de trocar o trabalho por "reconhecimento" é coisa de quem não paga conta. Na boa. E quem não quer pagar pelo trabalho de alguém também, né.

    ResponderExcluir
  5. Denise,

    Isso também serve para aquelas empresas que sugerem a tal PARCERIA. Argh.

    ResponderExcluir
  6. Ola, é exatamente como eu penso, coloquei no meu blog tbm, posso?

    http://andreapaccini.wordpress.com/

    ResponderExcluir
  7. Oi Andrea!

    Pode sim, vi que vc colocou a fonte, está certinho. ;-)

    ResponderExcluir
  8. Olá Ila,

    Gostei do teu blog!! Tanto do trabalho artístico quanto do conteúdo dos posts. Acabas de ganhar um leitor assíduo. Não sei se estarei aí comentando, mas com certeza estarei lendo.

    Vou te passar um endereço de um blog bem bacana:

    http://verbeat.org/blogs/manualdominotauro/

    E boas ilações!!

    ResponderExcluir
  9. Olá Rafael!

    Ahhh o Laerte é mestre! ;-)

    E obrigada pelos elogios! :-D

    ResponderExcluir
  10. achei super legal, já tinha me passado pela cabeça coisa do tipo

    ResponderExcluir
  11. Falando em concurso eis aqui uma boa sugestão: http://bit.ly/OPfs4

    64 milhares de pilas...

    Unindo o seu bom gosto e habilidades em design e a competencia e dinamismo do Ric com a eletrônica, vcs podem concorrer com algo na modalidade "Equipamentos Eletroeletrônicos"

    Não sei bem do que se trata... se as peças são pra concepção do museu ou se é apenas um concurso que ele promove... de qualquer forma logo me lembrei do Museu da Lingua Portuguesa na estação da Luz em São Paulo... é realmente GENIAL...e pra minha surpresa (eu que sempre acho que os tupiniquins são atrasados) aquele museu é referencia mundial em mídia imersiva. Se eu tiver alguma ideia posto aqui... pq só tenho ideias mesmo... = )

    ResponderExcluir
  12. K-prA,

    Uia, bacana heim? apesar que não entendo muita coisa da parte de design mesmo, mas quem sabe??

    E ISSO SIM é um concurso que vale a pena heim? pô, é GRANA e reconhecimento! ;-)

    ResponderExcluir
  13. Se for colocar algo... me poe a par pra eu ficar na torcida...

    E o Ric? tá sumido... num posta aqui... nem no blog dele...ele tá viajando Ila? ou tá com gripe? hehehe

    ResponderExcluir
  14. Na, ele tá bem, só trabalhando muitão! ;-)

    ResponderExcluir
  15. K-prA, os regulamentos desses concutsos já são feitos por advogados. Eles direcionam para que, ao você aceitá-los, cede totalmente as obras para uso livre de quem promove. Legal, né? Entidade recebe um monte de ideia, um monte de peça, usa todas como quer, e paga por uma só... Apoiado! Um não aos contratos de risco.

    ResponderExcluir
  16. Ila, bem legal seu post. Divulguei no meu twitter.
    abs
    Mancuso

    ResponderExcluir
  17. Theo Amaral10 março, 2010

    Dá o que pensar...
    Parabéns pelo post.
    Acho que deveria haver mais coisas sobre este assunto.
    Inté.

    ResponderExcluir
  18. Theo,
    Este assunto dá muito pano pra manga ainda... no blog do Montalvo ele sempre fala sobre estes concursos picaretas. É revoltante mesmo.

    ResponderExcluir
  19. Os concursos de projetos do CREA, pagam para do 1 ao 3 o valor "de mercado" do projeto, e para o 1° pagam um premio a mais em dinheir.. isso sim é premiação justa!

    ResponderExcluir
  20. Aldeboy,
    Prêmio em dinheiro é o que há! tbm rolou um concurso num museu português, e o prêmio era por volta de 10 mil euros... muito bom!

    ResponderExcluir

Para orçamentos, por favor envie um pedido com maiores detalhes, através do meu e-mail profissional ilafox@gmail.com

Ah, e obrigada pela visita e pelos comentários! :-D

Ila Fox
Ilustradora