quinta-feira, 21 de julho de 2011

Eu Odeio #16

Odeio acordar com uma espinha, ilustração by ila fox

Se já foi difícil lidar com espinhas na adolescencia, imagine com quase 30. É algo que não combina com a idade (como saia balonê e sandália com meias lurex). E não tem creme importado que dê jeito. Quando querem, aparecem sem aviso prévio. Acordo de manhã, feliz e pimpona, e dou de cara com aquele alien na minha cara, sem chance de defesa. Será que foi uma abdução? Blé.

E não adianta dizer que não pode espremer, que eu espremo viu? Mesmo sabendo que vou me arrepender no minuto seguinte e passar o resto do dia parecendo que levei uma picada de marimbondo na cara.

A ultima espinha que tive, uma interna no queixo, era tão grande que tenho certeza que foi detectada pelos radares do aeroporto de Confins. Um perigo.

24 comentários:

  1. E quando a espinha nasce antes de um compromisso importante???

    ResponderExcluir
  2. Nossa, isso é pior... haja base e pó compacto para esconder. :-P

    ResponderExcluir
  3. Hoje mesmo nasceu uma bem no canto do nariz, e dóiiii muitooooo! *_*

    Ludmila

    ResponderExcluir
  4. O pior tipo de espinha é aquela que parece que está dentro do nariz. Muito dolorido =/

    ResponderExcluir
  5. Ludmila,
    Hoje a minha pele está ok. Desde que comecei a cuidar mais as espinhas deram uma sumida, mas quando nasce uma... pelamor! :-P

    Giseli,
    Hehehe, a Ludmila ali do comentário de cima tá sofrendo com uma. X-D

    ResponderExcluir
  6. Este é um problemão.
    Eu depois dos trinta tive essas graças.O povo fala que é a fase em que estamos amadurecendo.Pode!

    O pior que é impossível não colocar o dedão,o pior que da espinha se torna uma cratera horrível que parece nunca sumir e quando some fica aquela mancha díficil e quase impossível de sair.
    Espinha para mim só a de peixe.

    ResponderExcluir
  7. Cacau,
    Sabe que nem acho errado apertar? desde que a pele e o dedo esteja limpo. Eu costumo espremer, passar um remédio que evita inflamação e ponho um micropore em cima, no dia seguinte já está bem melhor.
    Para manchas eu uso Minancora ou bastão secativo ad Paiot, que além de disfarçar, meio que renova a pele da região. ;-)

    ResponderExcluir
  8. aff pior é quando temos um encontro marcado com aquele gatinho e como que no passe de mágica ele surge no lugar mais vísivel, repito várias vezes não vou espremer não vou espremer mais ´~ao resisto e a situação piora da vontade de ficar na cama e só levantar quando ela sumir

    ResponderExcluir
  9. Ceicinha,
    Hehehe, bem por aí, nem para nascer sei lá, dentro da orelha ou onde a franja esconde né? :-P

    ResponderExcluir
  10. E quando você é homem? Além de espinha aleatórias, é pêlo de barba que encrava. Teoricamente temos uma mini-espinha a cada semana.

    E importante: tive que procurar que raio de meia foi essa que você citou! XD

    .faso

    ResponderExcluir
  11. Tio Faso,
    Hehehe, pô, pelinhos encravados é tipo uma espinha também né? deve ser meio chato ter que fazer a barba sempre. :-P

    ResponderExcluir
  12. pra evitar espinhas é melhor cuidar do organismo de dentro pra fora, por exemplo tomando muita água, e evitando gorduras... no meu caso tem funcionado bem ^^'

    ResponderExcluir
  13. Hehehe. Muito bom!
    Adoro suas ilustrações e os textos que as acompanham!
    Realmente acordar com um intruso no rosto é mt mt mt ruim ò_ó

    ResponderExcluir
  14. Ariane,
    Sabe que até bebo bastante água? mas minha alimentação não é aqueeeeela maravilha. :-P

    Nanda,
    É quase sinopse de ficção cientifica né? "jovem acorda e percebe que existe um intruso em seu próprio rosto!" :-P

    ResponderExcluir
  15. Foi o que aconteceu comigo ontem. TAMBÉM ODEEEEIO!!!!

    ResponderExcluir
  16. ahhh eu tacaria uma cobertuta extra de minacora ... e nos tempos de aborrecente , usaria pasta de dente rsrsrss !!! Aconteça oque acontecer , não encoste nela !!!kkkk se vc tbm ir colocando uma gase com água morna , ajuda bem !!!

    ResponderExcluir
  17. Ana Meira,
    Toda minha força para vc nesta hora, hehe. ;-)

    Nati,
    Ai, não consigo, parece que tem uma força magnética que atrai!!! X-P

    ResponderExcluir
  18. Eu que me encontro na adolescência, passo por isso direto. Passo muita coisa na cara, minancora até que alivia um pouco. Se espremo fico toda marcada, e as internas também me pegam de surpresa às vezes. Q horror!!!!!!!

    --
    Le

    ResponderExcluir
  19. Le,
    AS internas são as piores de todas! ficam lá, inchando, inchando e nada de ficar "madura". O_O

    ResponderExcluir
  20. acho que a maior mentira que já se contou pra adolescência é que as espinhas vão embora assim que vc fica adulto. não, elas não vão!

    ResponderExcluir
  21. Denise,
    Pois é... acho que só somem mesmo na velhice. Mas aí dão espaço para as rugas. :-/

    ResponderExcluir
  22. Meia lurex é novidade pra mim. XD

    ResponderExcluir
  23. Lari,
    Hahahaha na verdade é de uma geração antes da minha, nem eu cheguei a usar. ;-)

    ResponderExcluir
  24. Ila, pior, pior mesmo é quando um joselito comenta: "Vc está com uma espinhona bem no nariz". Dãããã!? Hello-oooooooo? E a gente não se olha no espelho?! :-D
    Abraço,
    Carla (RJ)

    ResponderExcluir

Para orçamentos, por favor envie um pedido com maiores detalhes, através do meu e-mail profissional ilafox@gmail.com

Ah, e obrigada pela visita e pelos comentários! :-D

Ila Fox
Ilustradora