sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Vicente

Cada pessoa tem seu jeito de lembrar das pessoas queridas que foram “pro lado de lá”. Algumas fazem festas, outras fazem comidas, levam flores, limpam a sepultura, reviram velhos álbuns de fotografias, conversam, cantam, choram. Algumas preferem nem lembrar.

Bom, eu desenho.

Este é meu bisavô Vicente. Ele nasceu em 1910 e faleceu em 2004. Viveu numa geração de muitas mudanças. Acompanhou a evolução do telefone até a chegada da internet. E por isso mesmo não se deixava chocar por qualquer notícia. Sempre respondia com um “barbaridade...” à qualquer novidade, boa ou ruim.

meu bisavô vicente pereira mendonça retrato

Vicente - Grafite e nanquim digital

Poderia escrever muitas coisas sobre ele. Sobre suas histórias, sua letra bonita, as viagens que fazia, os causos do sítio, o amor que sentia pela minha bisavó... Mas me limito a dizer que não existia tempo ruim para meu bisavô. Mesmo no finalzinho, já debilitado, nunca perdeu o bom humor. Quando estava sendo levado de cadeira de rodas para o hospital, brincou com todos imitando uma buzina para saírem da frente. Talvez isso também explique o porque dele ter tido uma saúde de ferro a vida toda. Para ele, o copo estava sempre metade cheio.

Se eu pudesse dizer só uma coisa à ele, diria que sinto saudades de sua risada. E se pudesse dizer mais uma coisa, diria que o Brasil vai sediar as Olimpíadas em 2016. Só para escutar ele dizendo “barbaridade...”.

12 comentários:

  1. eu tive um avô que chamava Vicente também! ele era um fofo, sempre me levava na padaria para comprar meu doce predileto!

    ResponderExcluir
  2. O sorriso do Seu Vicente é bastante simpático.

    ResponderExcluir
  3. Nina,
    Ele me fazia altas cócegas, eu saia rolando no tapete de tanto rir.

    K-prA,
    Ele era todo simpático.

    ResponderExcluir
  4. não cheguei a conhecer meu bisavô, mas me lembro da minha bisavó muito velhinha fazendo bolo para nós!

    ResponderExcluir
  5. Michele,
    Eu também lembro da minha bisavó, mas ela faleceu quando eu era muito nova...

    Emerson,
    Obrigada! \o/

    ResponderExcluir
  6. Show de bola... Minha mãe falava bem dele também.

    Quando puder, que tal fazer a Tia Dina, Tio Raul, Tio Cesar ou o vô João? Acho que muita gente adoraria ver também. (nossa, estou exigente hoje, coisa chata isso, foi malz)

    Seu relato foi simplesmente mágico... Eu não o conheci pessoalmente, mas identifiquei o estilo com o nosso vô João.

    ResponderExcluir
  7. Ahh com certeza todos eles não ficarão de fora da próxima vez!

    Tia Dina com sua alegria, Tio Raul com seu carinho pela Tia Cecília, Tio César com sua determinação e o Vô João com sua tranqüilidade...

    Boas lembranças é que não faltarão! :-D

    ResponderExcluir
  8. Dei uma espiadinha no seu blog e achei seus desenhos demais ! Essa homenagem para o seu bisavô é realmente muito linda! Aonde ele estiver, deve estar contente pela lembrança.
    Também tenho um blog. Dá uma passadinha por lá : www.iedalandia.blogspot.com

    A partir de agora, estou te seguindo !

    ResponderExcluir
  9. Que linda ficou a foto do seu vovô...

    ResponderExcluir
  10. Gente, que maravilha!
    E o legal é que você manteve seu traço humorado mesmo numa coisa mais sisuda que é um retrato PB e uma pessoa mais velha.

    ResponderExcluir
  11. Leda,
    Ahh com certeza ele deve estar amando isso tudo, sempre foi curioso e adorava as tecnologias (quando mostrei a primeira câmera digital pra ele, ele amou!).

    Glória,
    Ele era um fofo.

    Peterson,
    Impossível deixar ele sério, hehe

    ResponderExcluir

Para orçamentos, por favor envie um pedido com maiores detalhes, através do meu e-mail profissional ilafox@gmail.com

Ah, e obrigada pela visita e pelos comentários! :-D

Ila Fox
Ilustradora